terça-feira, 21 de março de 2006

MÍDIA E ANIMAIS...


Mídia e Animais


A utilização de animais para entretenimento do homem pela mídia
(seja em programas de tv, filmes, campanhas publicitárias), que
submeta os bichos à dor, sofrimento, estresse ou que incitem a
prática de violência contra eles tem mexido com a opinião pública. E
você, o que faz quando vê alguma violação dos direitos, do bem estar
e do respeito à vida animal?


A colaboradora da ARCA Brasil, Daniela Mantovani, professora da
cidade de São Sebastião (SP), após assistir a um quadro do
programa "Hermes e Renato", na MTV, em que quatro homens simulavam estuprar uma cadela, entrou em contato com a emissora e exigiu uma retratação pública, por sentir-se indignada com a situação. "Simular um estupro a um animal é tão violento quanto com uma pessoa, não é brincadeira, é algo muito, mas muito triste. Inadmissível", disse ela em entrevista à ARCA.

A ARCA Brasil entrou em contato com o departamento jurídico da MTV, que alegou que, no entendimento da emissora, não houve ato de agressão nem de mau gosto no quadro. "Verificamos as imagens, elas não duraram nem um minuto, e achamos que não houve ato de abuso. A MTV não estava incitando nenhum tipo de crime ou maus tratos aos animais, como foi o entendimento dela (Daniela)", afirma o advogado da emissora Pedro Garcia que, apesar de já ter entrado em contato por telefone com a espectadora, declara que a MTV não pretende neste momento retratar-se publicamente.

Ainda segundo a MTV, o seu departamento jurídico sempre tem a
preocupação de pesquisar e verificar a legislação sobre os direitos
dos animais. De fato, a emissora entrou em contato com a ARCA Brasil em meados de fevereiro - após receberem a carta-manifesto de
Daniela - em busca de informações e sobre a legalidade em usar um
chimpanzé em um quadro no programa da apresentadora Daniela
Cicarelli. Além de fornecer conteúdos relacionados à questão, a
organização não perdeu a oportunidade. "Aproveitamos para sugerir
que a MTV busque soluções mais criativas, à altura de uma
programação que pretende ser vanguarda. Afinal, utilizar animais de
forma abusiva ou caricata seria algo de extremo mau-gosto em países
desenvolvidos, onde a emissora costuma pesquisar tendências".
Apesar de o departamento jurídico ainda não ter o posicionamento da
produção do programa de Cicarelli, Garcia afirma que são grandes as
chances de a tv não utilizar um chimpanzé de verdade para o quadro.

É nosso papel como telespectadores e cidadãos, ficarmos vigilantes.
Se você se sente incomodado com imagens e maus tratos de animais
utilizados pela mídia, siga o exemplo de Daniela Mantovani e levante
a bandeira em favor da proteção dos bichos. Manifestar-se é uma das
armas que temos para defender o respeito e a valorização da vida.
Fique atento! Situações como esta infelizmente ocorrem todos os
dias.

Em nosso site, você pode saber como apurar casos de maus tratos aos animas e como denunciá-los. Clique aqui:

http://www.arcabrasil.org.br/index.htm

A ARCA Brasil é totalmente contra a utilização dos animais na mídia
quando esta viola a lei, o respeito e o bem-estar destes.



Big Bola Fora

Infelizmente, são comuns fatos que incitam o desrespeito aos
direitos dos animais na mídia. Recentemente, a TV Globo provocou
polêmica com o Big Brother Brasil 6, ao decorar a sala da casa com
um tapete de urso polar. A simples exibição de um objeto como esse
pode estimular o consumo de peles de animais, segundo ativistas da
causa animal. O departamento responsável da Globo informou que o
tapete é feito de material sintético e a sua utilização é puramente
decorativa.

Mas não é só na televisão que fatos como esses acontecem. A modelo brasileira Gisele Bündchen, por exemplo, colocou seu talento à disposição da indústria de peles e foi alvo de grande polêmica, em 2002. Enquanto desfilava na passarela, manifestantes aproximaram-se com cartazes chamando a modelo de "escória coberta de pele", já que Gisele desfilava com a marca Blackglama, que usa pele de animais em suas roupas e acessórios.

Onde se manifestar? Nos sites de emissoras e redes de tv você
encontra campos onde pode escrever e enviar sua carta ou recado e
ainda telefones de contato.

Sobre publicidade, o site do Conar -
Conselho de Auto-Regulamentação Publicitária, possui um link para
reclamações:
http://www.conar.org.br/

Um comentário:

Juh_santista disse...

Oi,q bom q vc gostou do meu blog,eu tb adorei os teus blogs.Já adicionei o teu blog no meu.Bjo